Consciência Negra

No 13 de Maio, Negrume debate “Poderes Negros”, em Guaianases

Militantes negros, professores, articuladores e artistas discutem sobre a necessidade da constituição de poderes negros que atuem conjuntamente no combate ao racismo. O encontro acontece sábado, 13/05, às 14h00 no CEU Lajeado – Guaianases

 

Por Negrume

Seguindo uma tendência internacional, em todo o território nacional o acirramento do capitalismo e da supremacia branca, estruturou e estrutura o racismo. Aqui o que vemos há séculos é o racismo “cordial à brasileira”, que travestido de democracia, opera de diversas formas o genocídio dos povos originários e da população negra, pobre e periférica.

Embora seja constantemente denunciado por vários segmentos do movimento negro, o racista e retrógrado “mito da democracia racial” é defendido ainda hoje pela mídia, por governos ilegítimos e pelo cinismo de um racismo “cordial” da burguesia branca da dita nação:“Brasil”. A grande maioria da população branca, ou não-negra, que é minoria no território nacional, ignora fatos, dados, estudos, militantes históricxs, livros e especialistas negros nas relações étnico-raciais mundo afora.

Na atual conjuntura do pós-golpe institucional “brasileiro” estão acontecendo diversos retrocessos. Alguns desses retrocessos são gerais, porém notadamente mais maléficos sobre determinados corpos, em especial corpos de negras e negros. Retrocessos como a reforma da previdência, reforma das leis trabalhistas, a reforma do ensino médio e o desrespeito à constituição nacional, geram na população negra maiores e mais duradouros prejuízos.

Outros retrocessos atingem especificamente a população negra, como por exemplo a ameaça a Lei 10.639, importante mecanismo para a promoção da consciência negra em crianças e adolescentes. Essa lei propôs novas diretrizes curriculares para o estudo da história e cultura afro-brasileira e africana e é constantemente ameaçada por ondas conservadoras, neo-pentecostais e outras vertentes de pensamento extremamente racistas.

Tendo como princípio a consciência negra e a crescente necessidade de lutar por nossa emancipação, convidamos a todxs para bater um papo sobre a constituição de diferentes poderes negros, que agindo articulados podem combater o racismo, capitalismo e a supremacia branca.

Convidadas e convidados:

ELAINE MINEIRO, militante do Fórum de Cultura da Zona Leste e do Movimento Cultural das Periferias.

ALARU, professor de História e co-fundador da UCPA (União dos Coletivos Pan-Africanistas)

JESUS DOS SANTOS, articulador da Casa do Meio do Mundo e membro do Movimento Cultural das Periferias.

HEBE VALE, membra da FRENER (Frente Negra de Erradicação do Racismo)

YAYA THAINA, membra da UCPA (União dos Coletivos Pan-Africanistas)

Local : Ceu Lajeado – 14h às 18h

Rua Manuel da Mota Coutinho, 08451420 São Paulo


Sobre o Negrume, cultura e consciência negra

Na luta negra por liberdade e afirmação da cultura e resistências negras, historicamente negros da diáspora e negros da África caminham, marcham ou cortejam as ruas e seus ancestrais. Hoje, após a globalização do racismo contra pessoas negras, se faz necessário manter essa tradição de ocupar as ruas em prol da consciência negra.

No Brasil os afoxés na Bahia e Pernambuco, os maracatus em Alagoas, Ceará e Pernambuco e as congadas no Sudeste do país, cortejam as ruas saudando seus orixás e os reinados negros do Congo.

O projeto NEGRUME surgiu em Novembro de 2014 no bairro de Guaianases como um cortejo que homenageia as caminhadas e marchas da comunidade negra. É uma mescla das tradições negras populares com a luta dos movimentos sociais negros. Firmamos batuques para a afirmação cultural e política da resistência negra contra o genocídio da população negra, contra o racismo estrutural, contra o mito da democracia racial e contra todas as mazelas originadas no preconceito de cor.

Em 2016 o projeto se estabelece também como um blog periférico e articula em Guaianases, periferia da zona leste, rodas de conversa sobre temas da cultura e consciência negra. NEGRUME promoverá periodicamente bate-papo com especialistas, militantes negrxs e artistas, sempre com participação atuante da nossa comunidade.

Nosso estandarte contra o racismo: Negrume!

 

Acessem o blog:

https://negrume.wordpress.com/

Email:[email protected]

 

 

 


Propaganda Social 

Colabore com as mulheres empreendedoras da Uneafro-Brasil

 

                  

Vista-se em luta!

A UNEafro-Brasil, reinaugura sua loja de camisetas e artigos de reverência à luta do povo negro brasileiro!

Além de se vestir com as imagens e cores de nossa resistência, você estará contribuindo para manter financeiramente um movimento de luta, autônomo e independente!

Todos os produtos são confeccionados pelas mulheres que fazem parte do Núcleo de Economia Solidária Das Pretas da UNEafro.

Colabore! Escolha o seu manto afro e junte-se a nós!

FAÇA SEU PEDIDO AQUI